Comentário ao Decreto-Lei n.º30-A/2015 de 27 de fevereiro